Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Dezembro 25, 2015

Hoje dou-te um verso. Amanhã, logo se vê...

Carl Larsson, Uma Menina e um Piano, 1897

Natal. Eis que uma paz, que ao certo é doutra vida,
Abranda toda a terra empedernida,
E é cada mesa em festa uma igrejinha acesa...
Abre hoje o coração - portal que se franqueia.
São todos teus irmãos: até os da cadeia,
As que andam na má sina e os que não têm ceia...

José Régio, Toada do Natal