sábado, 9 de abril de 2016

“O discernimento consiste em saber até onde se pode ir”


ESCRTITO NA PEDRA, Jean Cocteau (1889-1963) , jornal Público de hoje